Atenção: Esse site só pode ser visualizado perfeitamente em um browser que suporta Web Standards. É recomendável que você atualize o seu browser clicando aqui. Obrigado e desculpe o transtorno.
HOME
PROJETOS
DETALHES

Interações coordenadas e confrontadoras entre atores do Estado e da Sociedade nos litígios estratégicos socioambientais

Esta pesquisa visa a contribuir com os estudos que relacionam ?movimentos sociais? e o ?direito? avançando nas discussões que caracterizam a mobilização do direito como um tipo específico de repertório de ação coletiva, aberto a partir do uso de oportunidades legais e de determinados tipos de interação entre atores. O projeto busca desenvolver elementos teóricos a partir de aspectos observados empiricamente em litígios provocados por movimentos sociais em situações de conflitos ambientais. Buscaremos, dialogando com a literatura nacional e internacional, contribuir para a elaboração de um modelo de análise que permita explicar aspectos ainda obscuros na teoria dos movimentos sociais e na abordagem da legal mobilization. A nossa contribuição está, especificamente, no desenvolvimento conceitual da categoria ?performances coordenadas? atravessando e aproximando as abordagens da contentious politics e da legal mobilization. Acredita-se que aspectos relevantes ainda não plenamente compreendidos dos processos de interação entre operadores do direito, ativistas de movimentos sociais e outros atores, que combinam cooperação com ação confrontadora, possam ser elucidados a partir desta investigação. Isto nos possibilitará ampliar as chaves analíticas que explicam a razão pela qual os movimentos sociais buscam os tribunais de forma estratégica.

EQUIPE

Cristiana Losekann
Vinícius Lamego

FINANCIADORES

CNPq